Os resultados que você quer dependem de você

arvore frutos

A dura e libertadora verdade é que ninguém vem para nos salvar.

Ninguém vai nos salvar a não ser nós mesmos.

Viemos com a capacidade de sermos responsáveis pela própria vida e o erro maior que cometemos é quando tomamos a vida do outro como responsabilidade nossa e esperamos que ele faça o mesmo, tomando responsabilidade pelas nossas vidas e nossos resultados.

Essa inversão do nosso foco provoca grande insatisfação e claro, problemas. Pois assim colocamos nossa energia fora, sem perceber que estamos deixando de lado nosso real poder, pois só podemos agir e modificar a nós mesmos, só temos real alcance sobre nossas próprias atitudes e nossas vidas.

A árvore que dá frutos é a árvore que conheceu a luz do sol, foi nutrida pelo solo, irrigada pela chuva, se fortaleceu e assim deu frutos.

É verdade que ela recebeu ajuda e não deu frutos exclusivamente sozinha. Isso nem na natureza nem na humanidade existe. Somos todos seres interdependentes. Porém, a capacidade de dar frutos já estava lá, dentro dela, ela sempre foi uma árvore frutífera que só precisava das condições certas para frutificar. 

Poderia ela, porém, ter todos os cuidados necessários, mas sem a capacidade de gerar o fruto, jamais produziria tal resultado.

Assim somos nós. Podemos e precisamos contar com a ajuda e recursos externos em nosso próprio processo de florescimento e frutificação. Porém, são primeiramente os recursos internos que possuímos que nos possibilitarão produzir os resultados que almejamos.

Para isso, é preciso fortificarmos nosso solo interior, regarmos, cuidarmos, nos conhecermos, nos melhorarmos. Para isso é necessário investir em si, cuidar da mente, do corpo, do espírito e potencializar assim nossa capacidade de produzir frutos, ou seja, resultados.

Tudo começa de dentro para fora e a realidade e o que você vê  na sua vida é reflexo de você mesmo. De seus pensamentos e ações. Então, pergunte-se nesse momento, com sinceridade e abertura para ouvir a resposta “Como está meu solo interno? Como tenho cuidado do meu potencial de realização? Esse solo condiz com a vida e o futuro que eu quero colher? Quais as sementes que eu estou plantando? quais as que preciso plantar?”

Não sabe exatamente que sementes está plantando? Olhe para fora e veja onde você gostaria de melhorar. A vida responde sempre através da lei da atração. O que está dentro está fora, e o que está fora está dentro, por isso o trabalho de cuidar do seu interior é tão importante e necessário.

Os resultados que você quer dependem de você! 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s